Assembleia Geral da CBHb tem início nesta quinta-feira (31)

Assembleia Geral da CBHb tem início nesta quinta-feira (31)

Santo André (SP) - A Assembleia Geral 2013 da Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) será realizada a partir desta quinta-feira (31), em Aracaju (SE), cidade onde fica a sede da entidade. O encontro contará com a presença de membros da CBHb, de presidentes das 27 Federações Estaduais, representantes do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), do Ministério do Esporte, patrocinadores e de outros profissionais envolvidos com a modalidade, que farão um balanço do último ciclo olímpico e os planos para a continuidade do desenvolvimento do esporte. Além disso, terá a eleição para a presidência da instituição para os próximos quatro anos.

 
No primeiro dia, o tema será a retrospectiva do último ciclo. Na sexta-feira, haverá a Assembleia Eletiva. Manoel Luiz Oliveira, com a chapa "Brasil Handebol - Vencendo Desafios", é candidato à reeleição. Já no sábado, último dia de atividades, a pauta será a modernização do estatuto da Confederação.
 
De acordo com Manoel Luiz Oliveira, o principal objetivo, além da prestação de contas das ações desenvolvidas em 2012, é traçar metas para a continuidade do trabalho de desenvolvimento e evolução do handebol. "A Assembleia Geral é fundamental para conversamos sobre a nossa modalidade, avaliarmos o que está indo bem e corrigirmos aquilo que precisa ser melhorado. Estaremos ao lado de pessoas envolvidas com o handebol e que poderão dar sugestões e contribuir ainda mais para esse novo ciclo que marcará a história do cenário esportivo do País", destacou.
 
Durante a reunião, será debatido o planejamento para o próximo ciclo, destacando os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. Além disso, os campeonatos nacionais serão debatidos, como a Liga Nacional, que será transmitida pelos canais SporTV. Para completar, as competições regionais e o beach handball, ambas com perspectivas de participação de um maior número de clubes, também estarão em pauta, assim como as Seleções Masculina e Feminina das categorias de base.
 
Entre os outros temas que serão abordados durante o encontro estão o Centro Nacional de Desenvolvimento, que é um marco para a modalidade e tem inauguração prevista para agosto deste ano. A Universidade do Handebol, que tem como objetivo padronizar o ensino da modalidade e que terá a contratação do renomado professor espanhol Manolo Laguna.
 
"Nós temos certeza de que o próximo ciclo será tão vitorioso quanto foi esse último. Conquistamos alguns feitos extremamente importantes, como a eleição de Alexandra Nascimento como a melhor do Mundo, o sexto lugar inédito nos Jogos Olímpicos de Londres com a Seleção Feminina e a boa colocação no Campeonato Mundial Masculino. Atualmente, somos o 14º País no ranking da Federação Internacional de Handebol (IHF) e isso mostra o nosso prestígio internacionalmente", finalizou o presidente.