Dobradinha de Foz, Cascavel e Maringá na etapa final do Paranaense Adulto Chave Ouro

Dobradinha de Foz, Cascavel e Maringá na etapa final do Paranaense Adulto Chave Ouro

Com o encerramento dos jogos das quartas de final do Campeonato Paranaense de Handebol Adulto Chave Ouro, na tarde deste domingo (18.10), em Cascavel, foram conhecidos todos os semifinalistas da competição. Das oito equipes credenciadas à etapa final da Divisão Especial, Foz do Iguaçu, Cascavel e Maringá estarão representadas pelas seleções femininas e masculinas.

Jogando diante da torcida, os anfitriões fizeram o dever de casa e garantiram a classificação à 6ª etapa. No feminino, o time cascavelense atropelou as meninas da Prefeitura de Barbosa Ferraz/Katuxa, vencendo a partida por 61 a 09, o maior placar da rodada. Bruna Marques foi eleita por unanimidade a melhor jogadora da partida, ao passo que Cassia Silveira foi a artilheira, com13 gols. “Este prêmio me motiva a melhorar cada vez mais e acredito que fortalece nossa equipe, que está focada para buscar o título da competição em Maringá. Vamos treinar algumas situações de jogo para que possamos traçar estratégias, pois sabemos que daqui pra frente nenhum jogo será fácil”, declarou a camisa 20.

Enquanto o selecionado masculino se superou e buscou no final da segunda etapa a vitória sobre CISS/Dois Vizinhos, que apesar de estar à frente no placar na maior parte do tempo não conseguiu administrar a vantagem, perdendo oportunidades cruciais de arremessar a bola na rede, momento que os pratas da casa aproveitaram para encostar, empatar e virar o jogo, encerrando o confronto em 25 a 22.

Com a vitória de 27 a 21 sobre Matelândia, as meninas da CISS/Dois Vizinhos garantiram em sua primeira participação na divisão de elite do handebol paranaense a classificação à semi do Paranaense Adulto, ocasião que enfrentam Cascavel. A armadora direita, Juliane Krefta, diz que o grupo superou todas as expectativas iniciais, enaltecendo que o time foi formado no decorrer da disputa estadual. “Fomos formando a equipe durante a competição e pouco a pouco construímos nossa campanha. Nosso grupo é aguerrido, acreditou e foi em busca da classificação, é gratificante estar entre as quatro melhores equipes do Estado na categoria adulto”, ressaltou Juliane.

Sede da final, as maringaenses garantiram o passe à semi depois de ganhar de 35 a 21 da Fecam/AhandeCam/Campo Mourão. O elenco enfrentará em casa o time da AhandFoz/Smel/Foz do Iguaçu, que superou por 38 a 19 a Prefeitura de Toledo/ATH/APEF. “É gratificante chegar nesta fase da competição, uma vez que nossa equipe tem uma certa dificuldade de manter uma boa sequência, em virtude de se reunir apenas para competir”, menciona Bruna Bratz, eleita atleta destaque da partida. “É gostoso jogar bem, ainda mais ajudando minha equipe a garantir uma vaga na próxima fase”.

Um dos jogos mais disputados dos playoffs foi entre Cambé/Seme/Handebol e AhandFoz/Semel/Foz do Iguaçu. Com bola na rede ora no lado de cá e ora do lado de lá, o placar foi definido no último minuto do jogo. Com a posse de bola, os iguaçuenses não desperdiçaram, e marcaram o gol que deu a vitória para a equipe da Terra das Cataratas, que na semifinal enfrenta Campo Mourão, vencedor do duelo com Campo Largo/EPH/PUC. Já Maringá garantiu a vitória de 34 a 14 sobre a Prefeitura de Floraí/AFH e ‘briga’ com os cascavelenses por uma vaga à final da Divisão Especial.  

Atual campeão da divisão B dos Jogos Abertos, resultado que colocou os iguaçuenses na divisão A da competição já em 2015, o técnico-atleta Luciano Camargo analisa o caminho que o time percorreu até chegar entre as quatro melhores equipes do Estado. “Sabíamos da dificuldade que seria o jogo contra Cambé, que conta com atletas mais experientes, mas, motivada pelo título da divisão B dos JAPs, a equipe não entregou o jogo, buscou a vitória até o finalzinho, foram brilhantes”, frisou Camargo, acrescentando: “Hoje pela questão de trabalho dificulta reunir o time pra treinar, então acabamos fazendo os ajustes e acertos durante a própria competição. Vamos buscar fazer uma boa partida contra Campo Mourão, fácil não será”, finalizou, agradecendo a Prefeitura de Foz do Iguaçu, por meio do secretário de Esportes e Lazer, Anderson de Andrade, pelo apoio que o time recebe para representar a cidade.

A final da competição está marcada para os dias 07 e 08 de novembro, em Maringá.

Rebaixados
Com o encerramento da 5ª etapa da divisão de elite do handebol paranaense, também foram conhecidas as equipes que desceram para a Chave Prata em 2016. No feminino, caíram Fecam/AhandeCam/Campo Mourão e Prefeitura de Barbosa Ferraz/Katuxa, e no masculino Prefeitura de Toledo/APEF e AIH/Bochi Combustíveis/SIO/Santa Izabel do Oeste.

Confira os destaques das quartas de final do Campeonato Paranaense de Handebol Adulto Chave Ouro:
Fernanda Molina Luchchese – Prefeitura de Maringá/Unimed/Unifamma
Bruna de Souza Braz – AhandFoz/Smel/Foz do Iguaçu
Gabrielle Moura Gomes – CISS/Dois Vizinhos
Bruna Marques – FAG/Cascavel*
Marcos Polleto – AhandFoz/Smel/Foz do Iguaçu
Ramon Victor Santos – Prefeitura de Floraí/AFH
Wilson Geraldo Fernandes – Fecam/AhandeCam/Grupo Integrado
Marco Felipe Santana – CISS/Dois Vizinhos

O Campeonato Paranaense de Handebol Adulto Chave Ouro é promovido pela Liga de Handebol, e conta com o apoio da Prefeitura de Cascavel, por intermédio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer, da Associação Cascavelense de Handebol, da Associação Camisa 5, da Federação Internacional de Handebol (IHF), da Confederação Brasileira de Handebol, da Secretaria do Estado do Esporte e do Turismo (SEET), da Associação Paranaense de Árbitros de Handebol (APAH), do CREF9/PR, e tem o patrocínio das empresas Kagiva e Caio Eventos.

Liga de Handebol do Paraná
Assessoria de Comunicação
Texto e Fotos: Jaqueline Galvão
jaquelinefsgalvao@hotmail.com
(45) 3902-1354 / (45) 9139-1005
Skype: paranahandebol
facebook.com/paranahandebolhpr
Twitter: paranahandebol
Instagram: parana_handebol
www.paranahandebollhpr.com