Vitória na estreia tranquiliza seleções masculinas por vagas à semifinal no Paranaense Juvenil

Vitória na estreia tranquiliza seleções masculinas por vagas à semifinal no Paranaense Juvenil
 
Por quatro vagas à semifinal da Chave Ouro no Campeonato Paranaense de Handebol Juvenil Sub-18, se enfrentam as oito melhores seleções masculinas da categoria entre sábado (29) e domingo (30), em Iporã, na região Noroeste do Estado. 
 
Na primeira etapa da rodada de abertura, a Prefeitura de Maringá/Unimed/Unifamma mostrou o porquê é tida como favorita ao título estadual. No primeiro tempo, Astorga conseguiu manter o equilíbrio na partida, mas os maringaenses imprimiam velocidade na bola, desarmando a defesa, momento aproveitado para ampliar o placar, que terminou em 14 a 12. Na volta do intervalo, a Cidade Canção se sobressaiu nos contra-ataques, criou boas chances e conseguiu abrir vantagem de seis bolas, 14 a 08, fechando o placar em 28 a 20. Enquanto AhandFoz/Smed/Foz do Iguaçu foi derrotada por 21 a 23 por Toledo/ATH, ao tempo que a Fecam/AhandCam/Grupo Integrado/Campo Mourão venceu por 27 a 17 Alto Paraná.
Já a Prefeitura de Colorado e CHC/AC5/Cascavel/Unimed protagonizam um duelo equilibrado até os 15 minutos do primeiro tempo, momento que os coloradenses conseguiram abrir vantagem de duas bolas, administrando até o apito final, fechando o placar em 13 a 11. Na sequência, os cascavelenses buscaram e conseguiram virar, encerrando à segunda etapa empatados em 11 a 11. No entanto, a vantagem do primeiro tempo deu a vitória a Colorado. “Esperávamos a vitória, mas não tão apertada. A defesa pesou, está desentrosada por falta de treino, perdemos dois atletas, o que prejudicou muito o rendimento do grupo”, analisa o técnico Diego Junior Forza.
 
Por sua vez, o técnico cascavelense César Casagrande conta que a equipe que está competindo o Estadual é dois anos mais nova que a categoria em disputa, o que agrega experiência e volume de jogo para os atletas que estão se preparando para o mais importante desafio do ano, a etapa zonal Sul do Campeonato Brasileiro Cadete, promovido pela Confederação Brasileira de Handebol de 10 a 13 de setembro, em Itajaí (SC). “É difícil jogar com uma equipe nova, ainda mais quando os goleiros não estão em seus melhores dias, porém considero boa a atuação dos atletas, que buscaram jogar de igual pra igual com Colorado. Esta é uma equipe que se prepara para jogar em setembro o Brasileiro, ainda tem muito pra evoluir”, considera Casagrande.
 
Os jogadores Maycon Henrique Alves de Azevedo, Fernando Mitchell, Natan Henrique Vieira dos Santos e Wesley Santos foram eleitos atletas destaques em suas partidas. 
 
Cascavel e Colorado voltam a jogar neste domingo (30), contra Alto Paraná e Campo Mourão, jogos que definem quem avança à semi do Paranaense Sub-18, marcada para acontecer entre os dias 03 e 04 de outubro, em Maringá. “Serão jogos bem equilibrados, espero vencê-los”, menciona Forza.
 
Já as demais seleções jogam na noite de sábado (29), em partidas simultâneas com início às 21 horas. Maringá encara Toledo no ginásio de esporte João Pipino, enquanto Astorga e Foz do Iguaçu mede força na quadra poliesportiva do Colégio Geni Giordano.
 
O Campeonato Paranaense de Handebol Juvenil Sub-18 conta com o apoio da Prefeitura de Iporã, por intermédio da Secretaria de Educação, Cultura e Desporto, da Federação Internacional de Handebol (IHF), da Confederação Brasileira de Handebol, da Secretaria do Estado do Esporte e do Turismo (SEET), da Associação Paranaense de Árbitros de Handebol (APAH), do CREF9/PR, e tem o patrocínio das empresas Kagiva e Caio Eventos.
 
 
Liga de Handebol do Paraná
Assessoria de Comunicação
Texto e Fotos: Jaqueline Galvão
jaquelinefsgalvao@hotmail.com
(45) 9139-1005 / (44) 9988 6768
Skype: paranahandebol
facebook.com/paranahandebolhpr
Twitter: paranahandebol
Instagram: parana_handebol
www.paranahandebollhpr.com